K-MOVIE [RESENHA]: ONE WAY TRIP


Depois de um bom tempo sem escrever (como sempre, né) venho fazer uma pequena resenha sobre um filme coreano que eu assiste esses dias. Já estava querendo assisti-lo há um bom tempo; porém a preguiça gritava mais alto. Enfim, assiste ele e me arrependo de não tê-lo assistido antes porque o filme é bem legal e mesmo sendo rápido ele te prende bem.

O filme conta a história sobre quatro amigos, Yong Bi (Ji Soo), Ji Gong (Ryu Jun Yeol), Sang Woo (Suho) e Doo Man (Kim Hee Chan) estavam indo levar o Sang Woo para se alistar no corpo de Fuzileiros Navais, e nessa pequena viagem até Pohang eles se divertem como uma despedida a juventude do seu amigo. Já que ele iria para o exército e só voltaria depois de anos. Contudo, no último dia antes do Sang Woo ir para o exército uma tragédia acaba acontecendo e isso muda a vida deles de um modo surreal.


Quando comecei o filme, não fazia a mínima ideia que seria tão triste no final. O filme já começa com eles correndo, fugindo dos policiais e daí pra lá, só vai piorando. Logo no início, eu não estava entendendo nada com nada. Mas a história vai se explicando e você vai descobrindo coisas que te deixam de queixo caído. Tomei muita raiva de certos momentos e de coisas que podiam ser revolvida se as pessoas não fossem tão egoístas e mesquinhas (ainda mais na coreia que lá parece que ninguém se importa com ninguém).

O filme mostra muito aquela questão que não existe contos de fadas, ele é tão realista que me deixou triste. Me fez refletir o tipo de pessoa que estou sendo e o que mais me intrigou foi o final, vou confessar eu chorei no final, mas não sei por qual motivo. Não posso contar mais porque se não vai acabar sendo spoiler, mas o final chega a ser uma coisa triste. Pelo menos para mim, foi uma coisa que mexeu comigo. Faz você repensar aquela situação “E se fosse eu no lugar deles? Faria a mesma coisa?”


Minha avaliação técnica vai ser bem pouca, porque a história me prendeu de tal forma que nem lembro se teve trilha sonora! Mas eu gostei da fotografia escura que teve, condiz bem com o ambiente coreano já que lá na coreia o ar é meio turvo mesmo. Gostei da atuação deles porque eu conheço um ator que é o Jisoo (ele fez o dorama Scarlet Heart: Ryeo e Angry Mon) e o outro é um cantor Suho e ele atuou bem para mim, foi a minha primeira vez vendo ele atuando em algo. O enredo é maravilhoso e bem realista, por isso que chega a ser triste.

Assista ao trailer: 


Você pode assiste o filme pelo google drive ou pode baixar também, eu peguei os links na fanpage Suho Brazil. Espero que tenham gostado, e que vocês possam assiste esse filme, ele não demora muito, e dá pra assiste ele quando não tiver nada para fazer e não quiser ver um filme muito grande. Voltarei em breve com mais resenhas e continuem firme e forte ao nosso lado sempre, hein! Até a próxima!


Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.